Choro de Joquebede

Vanilda Bordieri

Eu admiro aquela mulher
Tentando o seu filho esconder
O choro da criança abafar
Chorando junto pra ninguém notar
Chorando junto para disfarçar
Talvez cantando pra ninguém o escutar
Dá pra imaginar a sua aflição
O menino era formoso e o seu coração
Enfrentava todo dia o sofrer
Protegendo o menino para não morrer

Joquebede viu que já não dava mais
E agora um barquinho ela mesma faz
Beija o seu filho em meio à aflição
E o despede no Nilo então
Miriã vai seguindo o barquinho que se vai
De repente o Deus que pode tudo
Veja o que Ele faz
Conduziu o bebezinho à filha de faraó
Que se apaixonou quando o menino chorou

Esse é hebreu, mas agora é meu
Vou lhe adotar e meu filho será
Eu só preciso de alguém com amor pra dele cuidar
E Miriã então se ofereceu
Conheço alguém a quem posso chamar
E se apressou disse: - Mãe, Deus te ouviu, atendeu teu clamor

Vai buscar teu filho porque Deus já te ouviu
Vai se chamar Moisés porque das águas saiu
Pode soltar o seu grito, porque o Egito não mata seu filho
Vai abraçar seu filho porque dele Deus cuidou
A filha de faraó o seu filho encontrou
Pode se alegrar porque o choro do menino
Ninguém vai calar
Pode trazê-lo de volta não precisa se esconder
E Deus tem provisão tem uma benção pra você
Pode se alegrar ainda vai ter um salário
Mãe, pra te abençoar

Lá vem Moisés
Joquebede agora chora de alegria
Lá vem com Moisés
Deus é Deus e preservou a sua vida
Lá vem Moisés
Talvez vem chorando o choro de louvor
Lá vem Moisés
Joquebede chora para agradecer
Deus é Deus e não precisa se esconder
Deus é Deus, Deus é Deus
Deus é Deus e sempre vai livrar você
Deus é Deus, Ele é Deus
Deus é Deus
Ele é Deus

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.