I am (Gitã)

Since the beginning of time

Man has search for the great answer

It was given

Today I give it once more

Sometimes you ask me a question

You ask why I talk so little

I hardly ever speak of love

Don't side you and smiling so bittle

You think of me all the time

You eat me, spew me and leave me

Come forth, see through your ears

Cause today I'll challenge your sight

I am the star of the starlights

I am the child of the moon

Yes, I am your harred of love

I am too late and too soon

Yes, I am the fear of failure

I am the power of will

I am the bluff of the gambler

I am. I move, I'm still

Yes, I am your sacrifice

The placard that spells "forbidden"

Blood in the eyes of the vampire

I am the curse unbidden

Yes, I am the black and the indian

I am the WASP and the jew

I am the Bible and the I-Ching

The red, the white and the blue

Why do you ask me a question

Asking is not going to show

That I am all things in existence

I am, I was, I go

You have me with you forever

Not knowing if it's bad or good

But know that I am in yourself

Why don't you just meet me in the woods

For I am the eaves of the roof

I am the fish and the fisher

"A" is the first of my name

Yes, I am the hope of the wisher

Yes, I am the housewife and the whore

Hunting the markets asleep

I am the devil at your door

I am shallow, wide and deep

Yes, I am the law of Thelema

I am the fang of the shark

I am the eyes of the blindman

I am the light in the dark

Oh, yes, I am bitter in your tongue

Mother, father and the riddle

I am the son yet the come

Yes, I'm the beginning, the end and the middle

Eu Sou (Gita)

Desde o início dos tempos

O homem tem procurado pela grande resposta

Ela lhe foi dada

Hoje, eu a dou mais uma vez

Às vezes você me faz uma pergunta

Você pergunta porque eu falo tão pouco

Eu quase nunca falo de amor

Não fico ao seu lado e meu sorriso é tão inseguro

Você pensa em mim o tempo todo

Você me come, me vomita e me abandona

Venha, veja através de seus ouvidos

Porque hoje eu vou desafiar a sua maneira de ver

Eu sou a estrela de todas as estrelas

Eu sou o filho da lua

Sim, eu sou seu amor e ódio

Eu sou o muito tarde e o muito cedo

Sim, eu sou o medo do fracasso

Eu sou o poder do desejo

Eu sou o blefe do jogador

Eu sou, eu mudo, eu continuo

Sim, eu sou o seu sacrifício

O letreiro que diz "proibido"

O sangue nos olhos do vampiro

Eu sou a maldição indesejada

Sim, eu sou o negro e o índio

Eu sou o "branco, anglo-saxão, protestante"

Eu sou a Bíblia e o I-Ching

O vermelho, o branco e o azul

Por que você me faz uma pergunta

Perguntar não vai te mostrar

Que eu sou todas as coisas na existência

Eu sou, eu fui, eu vou

Você me tem contigo para sempre

Sem sabe se isso é bom ou ruim

Mas você sabe que eu estou em você mesmo

Por que você só não me encontra na floresta?

Porque eu sou a goteira no telhado

Eu sou o peixe e o pescador

"A" é a primeira letra do meu nome

Sim, eu sou a esperança de quem anseia

Sim, eu sou a dona de casa e a prostituta

Espreito os mercados adormecido

Eu sou o demônio na sua porta

Sou superficial, volumoso e profundo

Eu sou a lei de Thelema

Sou o dente do tubarão

Sim, eu sou os olhos do cego

Sim, eu sou a luz na escuridão

Sim, eu sou amargo na sua língua

A mãe, o pai e o mistério

Sim, eu sou o filho ainda por vir

Sim, eu sou o início, o fim e o meio

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.

Veja mais Raul Seixas

Rádio do Artista

    Vamos afinar o Música?

    Estamos procurando a batida perfeita, ajude-nos a fazer o Música melhor pra você.

    Participe Agora não