Cai Na Real

Pablo do Arrocha

Não consegue esconder dos meus olhos que ainda me ama,
E revira na cama de um lado para o outro soluçando e chama
Não caiu na real que está perdendo tempo e o tempo é pouco
Eu querendo tocar, te abraçar, te beijar, viajar no seu corpo
A camisa que eu esqueci não lavou prá não tirar o cheiro
Tá correndo o boato que já virou fronha do seu travesseiro
Está sempre indecisa não sabe o que quer vive em cima do muro

Não parou prá pensar que quem vai te matar é seu próprio orgulho
Tá no tempo, tá no ar,
Não demora vai se trair,
Não adianta me negar, se é amor prá que fugir
Você vai lembrar, vai recordar as noites que estão dentro de mim
Os beijos molhados de desejos, quanta loucura!

Cai na real, não tá legal
Continuar vivendo assim
Dê uma chance prá nós dois, vem me procurar

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.

Veja mais Pablo do Arrocha

Rádio do Artista

    Vamos afinar o Música?

    Estamos procurando a batida perfeita, ajude-nos a fazer o Música melhor pra você.

    Participe Agora não