A Volta do Andarilho

Os Filhos Do Rio Grande

Depois da andar de cidade em cidade
Como um andarilho triste a caminhar
Como uma abelha procurando a flor
Por meu amor viva a procurar.
Quase dois anos andei pelo mundo
Levando comigo uma negra sorte
Sem esperança de achar eu amor
Pedi a Deus que me mandasse a morte.

Mas certo dia cansaço e com fome
Cheguei nua casa pra pedir comida
Pra minha surpresa e pra minha alegria
Quem abriu a porta foi minha querida.
Com a barba grande e o cabelo comprido
O meu amor não me reconheceu
Ela jamais poderia pensar
Que aquele andarilho a sua frente era eu.

Mostrei no pescoço lindo crucifixo
Que ela um dia meu deu de presente
Quando ela gritou o meu nome
Correu pros meus braços e chorou de contente.
Aqueles que viram não dois abraçados
Eu sendo andarilho olharam com pavor
Eles não sabiam que aquele abraço
Era o reencontro do nosso amor.

Voltei para casa abracei mamãezinha
Beijei o seu rosto alegre sorridente
Hoje eu não sou mais um andarilho triste
Eu sou um moço feliz novamente
Ao meu amor eu dei uma aliança
E muito breve iremos casar
Vamos viver pra sempre juntinhos
Somente a morte vai nos separar.

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.