O Que Os Olhos Não Vêem, O Coração Não Sente

Jorge e Mateus

Talvez eu seja um pouco imaturo
Talvez seja inseguro
Resolvi me afastar
Eu não sei me fazer indiferente
E nem sou como essa gente que consegue disfarçar

Não vou sorrir pra esconder a dor
Quando se perde um amor, se perde a direção
Não vou fingir, nem me fazer de forte
Não fui eu que tive a sorte de encontrar outra paixão

E o que os olhos não vêem, o coração não sente
Não posso te encarar assim, tão de repente
Eu começo a lembrar, vou me descontrolar
Chorar na sua frente

E o que os olhos não vêem, o coração não sente
Eu não vou conseguir fingir que estou contente
Vou precisar de um tempo pra te esquecer
Por isso estou ausente.

Talvez eu seja um pouco imaturo
Talvez seja inseguro
Resolvi me afastar
Eu não sei me fazer indiferente
E nem sou como essa gente que consegue disfarçar

Não vou sorrir pra esconder a dor
Quando se perde um amor, se perde a direção
Não vou fingir, nem me fazer de forte
Não fui eu que tive a sorte de encontrar outra paixão

E o que os olhos não vêem, o coração não sente
Não posso te encarar assim, tão de repente
Eu começo a lembrar, vou me descontrolar
Chorar na sua frente

E o que os olhos não vêem, o coração não sente
Eu não vou conseguir fingir que estou contente
Vou precisar de um tempo pra te esquecer
Por isso estou ausente.

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.

Veja mais Jorge e Mateus

Rádio do Artista

    Vamos afinar o Música?

    Estamos procurando a batida perfeita, ajude-nos a fazer o Música melhor pra você.

    Participe Agora não