Enquanto espero acontecer, enquanto espero ver no cais
Vou derramando sem querer
a febre dos meus ais

Há muito tempo amor que trago dor dentro do peito
Há muito tempo a cor da solidão tingiu-me o leito
Há tanto tempo assim
só eu dentro de mim

A procurar por nós e apenas uma voz
Responde, estão agora o vazio e a saudade a sós
Há muito tempo amor que eu te sufoco em pensamento

Mas quando a noite cai traz tua imagem como um vento
Faz tanto frio aqui
só eu dentro de mim

A procurar por nós
e apenas uma voz
Responde, estão agora o vazio e a saudade a sós

Navego um mar de fado azul
angústia de um bolero
Versado em sombras meia luz soluço no meu canto
Uma canção enquanto espero
Enquanto espero acontecer enquanto espero ver no cais

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.