Casa Velha De Sapê

Dorgival Dantas

Casa Velha De Sapê

Ta vendo aquela casa abandonada, seu moço
Lá na beira da estrada, sem ninguém lhe dar valor
Pra mim já foi motivo de alegria
Toda noite, todo dia, toda hora tem amor

Por lá passava
Distante a tristeza
Tudo lindo que beleza
Do jeito que Deus criou

Enquanto pude
Cuidei direitinho
Pra preservar nosso ninho
Manter sempre o seu valor

Mas hoje, já estou velho e cansado
Fui pelo tempo enganado
Pra mim só restou a dor

De ver a minha casa tão querida
Abandonada esquecida
Sem ninguém lhe dar valor

Ai! Ai! Ai!
Como é duro de esquecer
Minha família toda reunida
Naquela casa querida
Casa velha de sapê...

Ai! Ai! Ai!
Como é duro de esquecer
Minha família toda reunida
Naquela casa querida
Casa velha de sapê...

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.

Veja mais Dorgival Dantas

Rádio do Artista

    Vamos afinar o Música?

    Estamos procurando a batida perfeita, ajude-nos a fazer o Música melhor pra você.

    Participe Agora não