ZIKA do Bagui part. POLLO

Bonde da Stronda

Zica do Bagui, zica, zica do bagui...

Zica do bagui, sem briga e as mina liga
Fica pedindo contato e fala que leva amiga
Estiga e fala quero mais, mas nunca tá satisfeita
Deita na minha cama, se junta na nossa ceita

Ces querem demais, e quem faz sempre tá na espera
De um aperto de mão ou de se juntar com a galera
Agora já era! Porque eu virei devorador
De sonhos que conspiram contra o meu favor

Sou doutor na arte de dar um rolé no mundo
Senhor pra alguns pra outros sou vagabundo
No fundo meu pé sempre tá acelerando esse momento
Sou solto, sou muito leve e sou rápido como o vento

Esquento algumas, só umas, e as vezes esfrio outras
Algumas só deliram e outras viram umas locas
São poucas mas sao bem boas de resto tem muita tralha
Ce sabe que um bom malandro não admite uma falha

Zica do Bagui, zica, zica do bagui...

Maluco se toca, bagulho agora esquentou ,
O terror das pussycat, rimando te dá tremor
Treme treme e dá inveja, treme treme os careta
"Ces devem ser zica memo pra comigo arrumar treta"

Os cara fala nao sai do bla bla bla
Proucurando assunto escroto pra poder menosprezar
Xo falar, pera ai, ces querem enganar a quem ?
Tá estampado na tua cara tio, "ce pega ninguem"

Os mano da madruga fecha o bonde dos maluco
Chega a me dar mo orgulho, o bonde é zica do bagulho
Peneirando os entulho, camisa 7 tipo túlio, chega fazendo barulho
O estomago dá um embrulho, as bitch eu só agulho, nos barro é pedregulho
Na stronda que eu mergulho, é nessa tropa que eu patrulho

E os cara que vacila, a gente corta a raiz
E os que são da antiga, sempre vão tá feliz
Inimigo a gente surta na rua, olho no olho
Pra quem acha que é modinha ou que eu to vivendo de molho

Na cama, na redinha, com as mina me abanando
Tão louco, tão viajando e nem sabem o que tão falando

Zica do Bagui, zica, zica do bagui...


[POLLO]

Muito mais que do que ce imagina , chego chegando , elemento surpresa
Tipo com a carta na manga , jogando zap na mesa
Minha empresa não tem patrão , mesmo assim nunca me atraso
E eu sempre fui campeão , até nos torneio de tazo

Diz que é acaso do destino , hoje em dia nós ta aqui
"Miliano" na estrada mas nunca te vi
Licensa aqui , tio , que agora é nossa vez
Você já teve sua chance ,e aí? o que que ce fez?

Menos de 1 ano os moleque chegou já roubando a cena
Se viu que ia dá problema , pensou que tinha esquema
Pena que o seu plano infalível no final faliu
Tio , pra nós a meta é muito mais que o Brasil

Zica do Bagui , zica , zica do bagui...

Pique bomba de hiroshima surgindo com algumas rima
Cola com nós , se aproxima
Pra ce ve como flui , os zica do bagui
Os vilão da vila , flow macabro no bang que dilata sua pupila

E eu to na tranquila , que o bonde tá formado
Máquina de hit deixa os cara preocupado
Fazendo o inesperado com os fora-da-lei
Segura os molecote hoje o time ta sem frei

Zica do Bagui , zica , zica do bagui...

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.