Jardim e Flor

Aninha Pires

Meu jardim se preparou para florir
Botões surgiram cada qual com sua cor
Um cravo lindo que mostrou um colorido
A margarida ficou linda quando flor
Lá no açude da morada fez visita
Um cisne branco refletindo na vidraça
Batendo asas pendurado num pé só
É a primavera dando mostra de sua graça
Vou invernar mil sonhos pra nós dois
Encher os vasos com flores de maçanilha
Arrumo o rancho, me perfumo pra depois
Matear a sombra esperando maravilha
Na água límpida e clara da caçimba
Ver tudo isso, ver meu rosto tremular
Tocar minha pele com a ponta dos meus dedos
Neste meu ventre meus segredos a guardar
Mais adiante meu corpo será mulher
Dar a mostra da barriga que se empina
Eu serei mãe no tempo que deus quiser
Serei senhora sem deixar de ser menina
Se vier menina, seja linda e delicada
Que embale sonhos vestindo renda e bordado
Usar a trança com lacinhos sobre os ombros
Água de cheiro lá da venda do povoado
Se for piazote, que venha com saúde
Que vá a sanga para dar saltos e mergulhos
Que seja forte pra pelear quando preciso
E pra nós dois seja motivo de orgulho
Depois de tempos quero a sombra do galpão
E um companheiro sentadito do meu lado
Catre de vime, almofada e mate gordo
E o meu fuxico dando vida ao passado

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.

Veja mais Aninha Pires

Rádio do Artista

    Vamos afinar o Música?

    Estamos procurando a batida perfeita, ajude-nos a fazer o Música melhor pra você.

    Participe Agora não