Eu Tiro a Sua Roupa

Alexandre Pires

Ás vezes em silêncio ( silêncio),
A emoção me fala,
Num brilho de um reflexo maravilhoso,
De sonho e de calma,
Um raio de alegria iluminando a vida ( ha, ha ),
Tua presença é mágica suave numa noite linda,
Seu corpo é meu corpo todo entrelaçado,
Um beijo na boca, abraço apertado,
Nossos desejos se misturam,
Numa corrente de energia pura,
Eu tiro a sua roupa, te vejo sorrir,
A gente faz de tudo que o corpo pedir,
E bessame, me bessame, me vira pelo avêsso,
Vem devora-me, me bessame,
Se dá toda pra mim que eu pertenço a voce,
Abraça-me e bessame,
Te amo e teu prazer me mata de prazer ...

Descansa no meu peito (peito),
Invade a madrugada,
Abre o teu coração se solta, se libera, não me esconda nada,
Porque as minhas noites sem voce do lado,
São feitas de abandono, tédio e solidão,
Voce quem me ilumina e provoca sonhos no meu coração,
Eu tiro a sua roupa, te vejo sorrir,
A gente faz de tudo que o corpo pedir,
E bessame, me bessame, me vira pelo avêsso,
Vem devora-me, me bessame,
Se dá toda pra mim que eu pertenço a voce,
Abraça-me e bessame,
Te amo e teu prazer me mata de prazer ...

Eu tiro sua roupa ...

Gênero da música

Esta música pertence a quais gêneros? Insira ou exclua abaixo aqueles que representam melhor esta versão. Você pode relacionar até 6 gêneros a uma música.

Veja mais Alexandre Pires

Rádio do Artista

    Vamos afinar o Música?

    Estamos procurando a batida perfeita, ajude-nos a fazer o Música melhor pra você.

    Participe Agora não